Lição 2: Eu tenho dado a tudo o que vejo…

photo 5-5

Eu tenho dado a tudo o que vejo nesse quarto

(nessa rua, nesse lugar)

todo o significado que tem pra mim

 

                Os exercícios com essa idéia são os mesmos que os da primeira. Começa com as coisas que estão perto de ti e aplica a idéia a qualquer coisa sobre a qual o teu olhar pousar. Depois, aumenta o âmbito para fora. Vira a cabeça para incluir o que quer que esteja em qualquer um dos lados. Se possível, vira-te e aplica a idéia àquilo que estava atrás de ti. Continua sendo tão indiscriminado quanto for possível ao selecionar os sujeitos para aplicação dessa idéia, não te concentres em nada em particular e não tentes incluir tudo o que vês em uma determinada área, ou introduzirás tensão.

             Meramente dá uma olhada com naturalidade e razoável rapidez à tua volta, tentando evitar qualquer seleção por tamanho, brilho, cor, material, ou relativa importância para ti. Considera os sujeitos simplesmente como os vires. Tenta aplicar o exercício com igual facilidade a um corpo ou a um botão, a uma mosca ou ao chão, a um braço ou a uma maçã. O único critério para a aplicação da idéia a qualquer coisa é meramente que os teus olhos a tenham tocado. Não tentes incluir coisa alguma em particular, mas certifica-te de que nada seja especificamente excluído.    

(Livro “Um Curso em Milagres”)

 


Comentários de Kenneth Wapnick:

“A razão pela qual nada significa coisa alguma é que você dá significado a tudo, obscurecendo, seu verdadeiro significado de perdão. Você sabe que fez isso porque pensa que sua mão é mais importante do que uma caneta. Uma vez que isso claramente não pode ser a forma de pensar do Espírito Santo, só pode ter vindo da sua forma de pensar. Deus não deu significado a tudo o que você vê ao seu redor, nem Jesus. Você o fez.

Jesus está pedindo para sermos completamente honestos com ele; para aceitarmos que nada nessa sala ou mundo significa coisa alguma, porque fui eu que dei significado ao mundo, e eu – meu ego – nunca poderia entender seu verdadeiro significado: perdão.

Jesus está nos dizendo para não discriminarmos, dizendo que uma coisa é importante e outra não é, ou que essa coisa não significa nada, mas aquele significa. Ele está nos dizendo para sermos indiscriminados em nossa prática. Tentar incluir tudo vai levar à tensão.

Portanto, Jesus está dizendo para você NÃO fazer esses exercícios como faria um ritual, e para não fazê-los com um senso de tensão. Se você começar a se sentir tenso, ele diria que deve parar. Isso é uma indicação de que os está fazendo errado; que você os está fazendo com seu ego e não com ele.

O próprio fato de Jesus dizer “Tente evitar fazer isso” está lhe dizendo que você vai tentar fazer isso. Ainda que você não pense que está fazendo isso de forma consciente, inconscientemente, esse certamente será o caso, sob a luz da hierarquia de valores que todos nós compartilhamos.

Em outras palavras, precisamos perceber que Jesus está nos ensinando a generalizar; que todas as coisas são igualmente sem significado, porque tudo serve ao mesmo propósito de separação do ego. Vamos entender depois que todas as coisas, então, se tornam igualmente significativas, porque tudo em nosso mundo perceptual também pode servir ao propósito do Espírito Santo. Enquanto vermos, ouvirmos, provarmos ou sentirmos qualquer coisa, estaremos dizendo que o mundo material é real; a dualidade e a percepção são reais. Essa, em última instância, é uma forma de dizer que *eu sou real. Por trás disso, é claro, está a afirmação de que pelo fato do mundo material ser real, Deus não pode ser.”


 

Caso queira estudar a lição em áudio, clique no link abaixo:

 

Caso queira ouvir a “música-lição” em inglês, em celebração aos 50 anos do livro “A Course in Miracle” – 2015 Revival – by James Twyman – clique no link abaixo:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s