Lição 3: Eu não compreendo coisa alguma do que vejo…

flores

Eu não compreendo coisa alguma do que vejo,

nesse quarto

(nessa rua, nesse lugar)

 

                Aplica essa idéia do mesmo modo que as anteriores, sem fazer qualquer tipo de distinção. O que quer que vejas vem a ser um sujeito apropriado para aplicar a idéia. Certifica-te de não questionar a adequação do que quer que seja para a aplicação da idéia. Estes não são exercícios de julgamento. Qualquer coisa é adequada, desde que a vejas. Algumas das coisas que vês podem ter um significado emocionalmente carregado para ti. Tenta colocar esses sentimentos de lado e, meramente, usa-as assim como usarias outra coisa qualquer.

               O sentido dos exercícios é o de ajudar-te para que limpes a tua mente de todas as associações passadas para veres as coisas exatamente como aparecem para ti agora e para que reconheças quão pouco realmente compreendes a respeito delas. Portanto é essencial que mantenhas uma mente perfeitamente aberta e desembaraçada de julgamento ao selecionar as coisas às quais a idéia para o dia deve ser aplicada. Para esse propósito uma coisa é como qualquer outra, igualmente adequada e, portanto, igualmente útil.

(Livro “Um Curso em Milagres”)

 


Comentários Kenneth Wapnick:

“Nada nessa sala significa coisa alguma, porque eu dei a tudo o significado que tem. Portanto, uma vez que eu dei a isso seu significado, como poderia eu, um ser separado do significado, ter a possibilidade de compreendê-lo? Eu posso entendê-lo do ponto de vista do meu ego porque serve ao propósito de tornar o mundo e a minha experiência em relação a ele reais. Mas eu não posso verdadeiramente entender isso, porque o propósito do mundo, é me impedir de entender. A verdadeira compreensão me faria perceber o propósito que eu dei a tudo e a todos em minha vida. Novamente, essas primeiras lições têm como um de seus importantes objetivos nos tornar humildes, para que percebamos que não entendemos coisa alguma. É isso que está subjacente à importante (senão ultrajante!) afirmação de Jesus no texto: “Tu ainda estás convencido de que tua compreensão é uma contribuição poderosa à verdade, e a torna o que ela é” (T-18.IV.7:5).

Eu acho que entendo para que serve uma caneta ou uma xícara, no entanto, eu não entendo que seu propósito último é me manter enraizado na ilusão e fora do Céu. Meu ego me diria que a caneta serve para escrever, a xícara para beber, e as roupas para cobrir o corpo, mas eu não entendo o propósito subjacente do ego para esses e todos os outros aspectos do mundo material.

Inconscientemente, nós certamente questionamos a adequação de algumas coisas. Novamente, ninguém acredita que seu braço é menos importante do que uma maçã ou um botão. Nós acreditamos que existe uma diferença extremamente importante entre eles.

“Vemos” com nossos olhos, e nossos olhos, assim como todos os nossos órgãos sensórios, foram feitos especificamente para não verem. Em outras palavras, eles foram feitos pelo ego para olharem para fora da mente, enquanto a visão verdadeira é apenas dentro da mente. É essa irrealidade fundamental que une tudo nesse mundo.

O que é útil nessas lições – se você prestar atenção cuidadosa a elas – é que elas vão trazer à superfície todos os nossos valores ocultos e inconscientes.

Jesus está tentando nos ajudar a liberar o passado, pois, enquanto ele permanecer oculto da nossa consciência, não poderemos desfazê-lo. Ficando oculto, portanto, o passado continua a erguer sua cabeça dirigida pela culpa e carregada de julgamento de novo e de novo. A chave para esse desfazer está no princípio subjacente a esses exercícios: a similaridade inerente a todas as ilusões.”


 

Caso queira estudar a lição em áudio, clique no link abaixo:

 

Caso queira ouvir a “música-lição” em inglês, em celebração aos 50 anos do livro “A Course in Miracle” – 2015 Revival – by James Twyman – clique no link abaixo:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s